“Portugal tem 12 semanas para apresentar a candidatura ao fundo de solidariedade europeu, com o objetivo de receber verbas e ajuda para os concelhos afetados pelos incêndios. A Câmara Nacional de Peritos Reguladores diz não há peritos especializados no terreno a avaliar os danos.” – portocanal.sapo.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.